SECRETARIA DE CULTURA E CIDADANIA

Seleção de expositores para o pavilhão “ MS Mostra MS – Espaço Economia Criativa – SECC/MS – FESTIVAL AMÉRICA DO SUL PANTANAL” – Regulamento de participação na programação do pavilhão do MS MOSTRA MS – Espaço Economia Criativa – SECC/MS – CHAMADA PÚBLICA

O QUE É ESTE SERVIÇO

Visa o fomentar/acompanhar/fortalecer e potencializar as iniciativas de economia criativa que serão selecionados por curadores designados pela Coordenadoria de Economia Criativa – SECC/MS como portfólio da edição – para 20 vagas.


QUEM PODE UTILIZAR ESTE SERVIÇO

Profissionais ou coletivos do Estado de MS, que atuarem na produção e difusão de produtos e serviços autorais  e de valor simbólico nos segmentos dos setores criativos definidos para cada edição do festival.


CARACTERÍSTICA DO SERVIÇO


DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

Documentos necessários para obtenção do serviço é especificada em edital.


ETAPAS DE PROCESSAMENTO DESTE SERVIÇO

1 – Lançamento da Chamada Pública no portal da SECC e publicação no Diário Oficial do Estado;

2 – Período para o envio das propostas e documentos via e-mail;

3 – Período de Seleção;

4 – Publicação da relação dos SELECIONADOS no portal da SECC e publicação no Diário Oficial do Estado;

5 – Reuniões para pré-produção e alinhamentos.


CUSTO DESTE SERVIÇO

A organização do “MS Mostra MS” disponibilizará alimentação, hospedagem e transporte à partir de Campo Grande para (01) um representante dos segmentos selecionados.


PRAZO MÁXIMO PARA ATENDIMENTO

A data de realização do festival.


CANAIS DE ACESSO A ESTE SERVIÇO

O Edital – pode ser obtido oficialmente no site www.imprensaoficial.ms.gov.br, e disponível na INTERNET no seguinte endereço eletrônico: www.secc.ms.gov.br.

O Edital – e seus anexos – são enviados via e-mail para todos os Gestores Culturais do Estado de Mato Grosso do Sul para divulgação e possível participação de empreendedores de seus municípios.


CANAIS DE COMUNICAÇÃO AO USUÁRIO

1 – DOE – Imprensa Oficial;

2 – Site oficial: www.secc.ms.gov.br  ;

3 – E-mail pessoa física/jurídica disponibilizado na inscrição;

4 –  No ambiente físico da SECC, endereço: Av. Fernando Corrêa da Costa, 559 – Centro – 5º andar – Memorial da Cultura e Cidadania “Apolônio de Carvalho”;

5 – Grupo de Wattsap com todos os expositores selecionados.

 

 


CANAIS PARA APRESENTAÇÃO DE MANIFESTAÇÕES DOS USUÁRIOS SOBRE A PRESTAÇÃO DO SERVIÇO


COMPROMISSO DE ATENDIMENTO

Compromissos:

  1. Hospedagem – em hotéis selecionados pela organização do evento no município onde acontece o festival;
  2. Alimentação – em restaurantes selecionados pela organização do evento no município onde acontece o festival;
  3. Transporte – empresa de transporte rodoviário contratado pela organização do evento.

Tratamento:

  1. Equipe da Coordenação de Economia Criativa designada para acompanhar e assessorar durante todo o evento.

Mecanismos de consulta:

  1. E-mail – economiacriativasectei@gmail.com;
  2. Telefone: (67) 3316-9326;
  3. Grupo de Wattsap.

LEGISLAÇÃO

Decreto Estadual Nº 14.692/2017


OUTRAS INFORMAÇÕES

  1. Programação do Espaço “MS mostra MS – Espaço Economia Criativa” se dará a partir da inscrição dos interessados, sendo prioridade contemplar coletivos e artistas que estejam alinhados às premissas da Economia Criativa: criatividade, sustentabilidade, diversidade cultural e inovação;
  2. GLOSSÁRIO:

       Para fins desse edital consideramos os seguintes conceitos:

CRIATIVIDADE: Capacidade ou habilidade de criar, de solucionar problemas através de uma maneira nova ou diferente da habitual; de atingir objetivos e propósitos, antigos ou novos, através de novos caminhos.

CIDADANIA: corresponde a um conjunto de direitos e deveres, individuais e coletivos, que tratam das relações sociais e políticas pautadas pela solidariedade, a democracia, os direitos humanos, a ecologia e a ética.

DIVERSIDADE CULTURAL: é a manifestação da originalidade e da pluralidade de identidades que caracterizam os grupos e as sociedades; é uma das fontes do desenvolvimento, entendido não somente em termos de crescimento econômico, mas também como meio de acesso a uma existência intelectual, afetiva, moral e espiritual satisfatória; é fonte da criatividade de um povo.

ECONOMIA CRIATIVA: contempla as dinâmicas culturais, sociais e econômicas construídas a partir do ciclo de criação, produção, distribuição, circulação, difusão, consumo e fruição de bens e serviços oriundos dos setores criativos, cujas atividades produtivas têm como processo principal um ato criativo gerador de um produto, bem ou serviço, cuja dimensão simbólica é determinante do seu valor, resultando em produção de riqueza cultural, econômica e social.

EMPREENDEDORISMO: é a capacidade de criação de valor por pessoas ou organizações na implantação de ideias ou empreendimentos criativos, assumindo riscos e implantando ações concretas.

EMPREENDIMENTOS CRIATIVOS: as atividades produtivas de base cultural com fins econômicos (comerciais e solidários) inseridas nos setores criativos.

EMPREENDEDORES CRIATIVOS: pessoas físicas que atuam nos diversos setores criativos (artistas, produtores culturais, gestores, técnicos e demais profissionais).

GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS: corresponde ao desenvolvimento de um conjunto de técnicas de planejamento, organização, coordenação, monitoramento e avaliação de atividades produtivas concebidas com a finalidade de garantir o cumprimento dos objetivos e propósitos dos empreendimentos.

GESTOR DE EMPREENDIMENTOS CRIATIVOS: profissional criativo, empreendedor e inovador, com capacidade analítica e crítica das dimensões culturais, sociais, políticas e econômicas do setor criativo onde atua, além de possuir o domínio de técnicas de gestão aplicadas ao desenvolvimento das atividades produtivas do empreendimento.

SETORES CRIATIVOS: Todos aqueles cujas atividades produtivas têm como processo principal um ato criativo gerador de um produto, bem ou serviço, cuja dimensão simbólica é determinante do seu valor, resultando em produção de riqueza cultural, econômica e social.

SUSTENTABILIDADE: termo usado para definir ações e atividades humanas que visam suprir as necessidades das gerações atuais, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazer suas próprias necessidades. O conceito de sustentabilidade é multidimensional integrando aspectos econômicos, sociais, ambientais e culturais. A sustentabilidade de um empreendimento criativo se dá a partir de um modelo de gestão que garanta a sua sobrevivência econômica, a suas relações com a sociedade, o uso racional de recursos ambientais e a compreensão da diversidade cultural como fonte de criatividade e inovação.


ELABORADO POR

Ricardo Maia dos Santos Coordenador de Economia Criativa 427104024
Deise de Barros Arantes de Lima Assessora Técnica COEC 427560022

SVG Essa informação foi util?